O Governo do Estado prorrogou para 1º de abril de 2021 o prazo para início de obrigatoriedade do envio dos arquivos do Bloco X dos estabelecimentos
que ainda não atendem esta obrigação tributária.
“O Governo catarinense está sendo sensível ao pleito do setor produtivo e, por conta da crise causada pela pandemia do novo coronavírus,
está adiando mais uma vez o prazo para obrigatoriedade do envio dos arquivos”,
informa a diretora de Administração Tributária da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC), Lenai Michels.

O Bloco X consiste no envio de arquivos gerados automaticamente pelo Programa Aplicativo Fiscal do Emissor de Cupom Fiscal (PAF-ECF)
para a base de dados da SEF/SC. Estes arquivos devem ser enviados diariamente,
no caso de tributação e venda de mercadorias, e mensalmente para acompanhamento do estoque.
A medida permite melhor acompanhamento e fiscalização das transações de venda ao consumidor final.

Fonte: SEF SC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *